quarta-feira, 7 de setembro de 2011

NADA ME OFENDE MAIS QUE A HIPOCRISIA .

Nada me ofende mais que a hipocrisia, a deslealdade, o fingimento, a traição, o engodo. São

males desnecessários, gratuitos, por isso ferem mais. Seja o que você é, fale o que você sinta. Deixe que os outros julguem e aceite o julgamento, pois você será sempre o que você é. Você, por mais que finja, nunca vai conseguir fugir do espelho de si mesmo. Ele vai sempre refletir a sua imagem e é gratificante que, com o passar dos anos, ele reflita você tranquilo, sorrindo, em paz consigo mesmo. E o reflexo mais revelador é aquele que você enxerga, cintilante,  nos olhos que olham para você. Só que, esse, você precisa fazer por merecer. Esse blog é atrevido, sim. Tem e se orgulha de possuir o atrevimento de nele colocar as vozes das ruas, os seus gritos, os seus clamores. E as suas alegrias, suas felicidades, seus sonhos e realizações. As ruas sonham e alimentam esperanças infindas. São honestas e puras. Não aceitamos desaforos, mesmo os mais dissimulados. Não os merecemos. Vou guardar o tacape. Ao alcance das mãos. Se necessário, volto a usá-lo. Espero que não...

0 comentários :

Postar um comentário